OU
Ver todas as unidades

Indicação do Pilates aos pacientes com Bronquite

Características da Bronquite

Os brônquios são canais que conduzem o ar inalado até os alvéolos pulmonares. Quando ocorre uma inflamação dessas estruturas surge a Bronquite.
Existem três classificações para a Bronquite:
– Bronquite asmática: é causada por alergia respiratória com o acúmulo de secreção nos brônquios;
– Bronquite crônica: caracteriza-se pelo acúmulo de secreção que se estende por mais de três meses;
– Bronquite alérgica: não é contagiosa, mas está intimamente relacionada a uma alergia respiratória.

Quais as causas

Bronquite-Pilates A Bronquite costuma acompanhar uma infecção viral respiratória, mas em alguns casos pode ser resultado de uma infecção bacteriana. Outros fatores de risco também incluem o contato com poluentes químicos e ambientais. Quando a bronquite alcança o nível mais crônico pode acabar aumentando o risco de outras infecções respiratórias, como é o caso da pneumonia.
O cigarro é considerado o principal responsável pelo agravamento da doença, daí a Bronquite ser conhecida também como tosse dos fumantes.

Principais sintomas

– Cansaço;
– Tosse que pode ser seca ou produtiva, dependendo da forma aguda ou crônica da doença;
– Dificuldades para respirar (com a manifestação de ruídos) ou até falta de ar;
– Alterações no apetite;
– Febre em muitos casos, mas relativamente baixa;
– Chiados ou ronco no peito;
– Expectoração que pode se tornar amarelada e espessa de acordo com a evolução da enfermidade.

Como tratar

Alguns cuidados e procedimentos podem ser bem eficazes para tratar a Bronquite:
– Beber bastante líquidos para fluidificar as secreções e facilitar a remoção;
– Repousar;
– Lavar as mãos com frequência;
– Reduzir a exposição à poluição do ar;
– Não fumar ou permanecer em locais com pessoas fumantes;
bronquite-Pilates– Praticar exercícios físicos que auxiliem na melhora da respiração, é o caso do Pilates, por exemplo. Durante toda a aula, o profissional acompanhante faz orientações relacionadas à respiração e o paciente acaba trabalhando sua condição respiratória na execução de todos os movimentos, melhorando também o seu estado pulmonar. A atenção voltada à respiração consiste em um dos princípios do Pilates que, gradativamente, promove uma verdadeira reeducação respiratória para o praticante.

Você também vai gostar de ler:

– Respiração: um dos princípios do Pilates
– Preparação para a aula de Pilates
– Os riscos de praticar Pilates em qualquer lugar
Assista ao nosso vídeo institucional e agende uma aula experimental:

aula-experimental-pilates