OU
Ver todas as unidades

Fraqueza muscular pode gerar dor nas costas

 
fraqueza-muscular-dor-nas-costasSe você sente dores frequentes nas costas e em outras regiões do corpo é muito provável que a sua musculatura responsável pela estabilização da coluna e das articulações esteja fragilizada. Quando músculos específicos (que têm como função garantir a sustentação da coluna) perdem o seu tônus, podem acabar não exercendo o papel estabilizador corretamente, o que resulta, normalmente, em dor nas costas, podendo irradiar para outras regiões como pernas, braços, pescoço, ombros, etc.
“Com a musculatura menos fortalecida é maior o risco de acometimento de lesões no disco intervertebral”, alerta o fisioterapeuta Helder Montenegro, especialista em coluna vertebral, presidente da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna – ABRC e diretor do Instituto Pilates.

O poder do Pilates

Mas o problema pode ser evitado! Para isso é fundamental o investimento em atividades que proporcionem o fortalecimento dos músculos que sustentam a coluna, como a técnica do Pilates. Os exercícios são de baixa intensidade e podem ser praticados por pessoas de diferentes idades, entretanto, todos os exercícios devem ser orientados por um profissional especializado que irá personalizar as aulas de acordo com as necessidades de cada aluno.

Exercitando o “Core” com o Pilates

A proteção da coluna vertebral é uma prioridade no Pilates, buscando o alinhamento da postura para garantir uma coluna bem mais saudável. O resultado é a melhora da estabilidade do tronco e o consequente alívio de incômodos. Além disso, associada a uma atividade aeróbica, a prática do Pilates estimula a perda de peso corporal, o que acaba por também reduzir a sobrecarga na coluna.
Segundo o fisioterapeuta Helder Montenegro, o Pilates se difere de outras atividades físicas uma vez que é totalmente voltado para a boa execução dos movimentos mediante uma boa postura e não, simplesmente, à intensidade de exercícios, a técnica “promove um alongamento maior do corpo, prevenindo lesões através da aquisição de músculos mais definidos e estabilizados”.