OU
Ver todas as unidades

Como prevenir e aliviar as dores nas costas na gravidez

dores-nas-costas-gestantes-pilatesNa gestação ocorrem diversas modificações no organismo da mulher, não apenas hormonais e emocionais, mas também físicas, destacando-se as mudanças posturais. A fase gera alguns desconfortos bem típicos da gravidez: o crescimento do bebê aumenta o peso da mulher, provocando uma incidência frequente de dores nas costas e também em outras regiões do corpo.
É natural que a gestante sofra mudanças em seu corpo para acomodar e nutrir o bebê (alteração do centro de gravidade, rotação da pelve, aumento da curvatura lombar e maior elasticidade dos ligamentos), e se as estruturas corporais não estão bem preparadas para essas alterações, as dores são inevitáveis, principalmente, na região lombar. Essas reações dolorosas também podem ser provenientes de tensões musculares, em virtude de desvios posturais já existentes ou adquiridos durante o período gestacional.

O que fazer para evitar as dores nas costas na gestação?

Mas a gestante não precisa conviver com esses incômodos, pois os efeitos das mudanças podem ser amenizados. Um programa de exercícios, de intensidade leve a moderada, durante a gravidez proporciona benefícios para a saúde da mulher e do bebê, com foco na estabilidade da musculatura postural e do assoalho pélvico, bem como no fortalecimento e alongamento suave dos músculos. Com o aumento da resistência e flexibilidade muscular, a mulher se torna capaz de suportar melhor o aumento de peso e as alterações posturais decorrentes desse período.
O Pilates, por exemplo, apresenta um programa de exercícios com foco na estabilidade da musculatura postural e do assoalho pélvico, promovendo o fortalecimento e o alongamento suave dos músculos; aliviando a sensação de cansaço através de um trabalho com a respiração; fortalecendo braços e pernas; gerando maior vitalidade, menos estresse e ansiedade (que também prejudicam a coluna) e ajudando a suportar o sobrepeso.

Veja também

PROCURE:
– Manter uma alimentação balanceada para controlar o peso corporal;
– Evitar o uso de saltos;
– Não ficar muito tempo parada. O ideal é se exercitar e fazer alongamentos ao longo do dia;
– Cuidar da postura, evitando os vícios posturais;
– Colocar um travesseiro entre as pernas sempre que dormir de lado.
 
Assista ao nosso vídeo institucional e agende uma aula experimental:

aula-experimental-pilates